blindagem patrimonial para empresas

Blindagem Patrimonial

Talvez exatamente agora você esteja vivendo uma situação que o deixa profundamente preocupado e triste. Um problema relacionado a endividamento, crise em sua empresa, indenizações absurdas, injustiças trabalhistas, possível falência, execuções, tributação elevada, problemas ligados ao divórcio e a sua sucessão após a morte.

Infelizmente, a grande maioria das pessoas, não estão preparadas para situações de crises e muitos não se preocupam com isso, preferem correr o risco de comprometer todo seu patrimônio, fruto de anos de trabalho ao se deparar com situações que fogem ao seu controle.

blindagem patrimonial para empresasAgir preventivamente criando uma estratégia de proteção que vai isolar seu patrimônio de todos os problemas e situações que fogem ao seu controle. Melhorar sua carga tributária para garantir uma maior rentabilidade do seu negócio. Criar uma solução que vai protege-lo de situações relacionadas ao divórcio. Definir em vida como será a sua sucessão. A perda de bens particulares pode ocorrer em virtude de seu regime de casamento ou de não regulamentação quanto ao patrimônio, no caso de convivência em união estável. Desta forma, o sócio e/ou administrador saberá optar pelo regime de bens mais adequado para o seu casamento, sendo viável inclusive sua alteração durante o casamento e, no caso do rompimento deste vínculo ou da união estável, poderá adotar mecanismos para melhor proteger seu patrimônio pessoal.

Também deve atentar para os limites que envolvem a proteção de bens, a despersonalização da pessoa jurídica, a questão da responsabilidade pessoal, solidária e ilimitada, civil e criminal, de sócios e administradores, inclusive quanto a eventos que envolvam lavagem de dinheiro e crimes tributários.
Ainda dentro dessa análise deve analisar os mecanismos de proteção patrimonial, como a realização de doações com cláusulas de incomunicabilidade, impenhorabilidade e de reversão, a constituição de holdings e de empresas patrimoniais, além de verificar o que são e como funcionam os chamados trusts.

Se você possui uma empresa e deseja proteger a sua vida pessoal ou vice e versa, é recomendável agir preventivamente.
Em caso de dúvidas, ficamos a disposição para ajudar.

Artigo: Thiago Massicano.

Gostou? Deixe seu comentário sobre esse conteúdo! Participe!